quarta-feira, 23 de janeiro de 2008

Urgente!


As Urgências do Hospital de Faro estão a rebentar pelas costuras, como temos visto nos meios de comunicação social. Urge tomar medidas. Mas os nossos ministros não estão para ai virados. Vem o nosso estimado ministro da saúde dizer que o grande problema deste hospital verifica-se no Verão, pois a população triplica. E está-se mesmo a ver quando é que a situação está um caos: No Inverno. Agora imaginemos se no Inverno já é assim....
Os governantes estão a tomar medidas que não lembram a ninguém. Estão estragar tudo o que tinhamos de bom, o que tinhamos de tradicional.

8 comentários:

conchita disse...

Concordo plenamente contigo, este país vai de mal a pior!!
Continuação de uma boa semana :)

Isália disse...

ah pois é...até parece que é no verão que as pessoas adoecem...

Coisas minhas disse...

Isto acontece por um motivo: Sap fecha ás 20h (achoe eu), o que faz com que as pessoas tenham que ir todas para o hospital! O ministro da Saúde é como a ministra da educação, pois têm ideias "magnificas" como fechar hospitais e realizar exames, respectivamente! Assim é normal que as urgências estejam um caos e que acaba por "pagar com as favas" são os nossos médicos (que na maioria espanhois, pois a média para entrar em medicina em POrtugal é altissima, enquanto que na nossa vizinha Espanha é de 16/17)... Este país vai de mal a pior.... Se continuar assim onde é que vamos parar??? Será que vamos ficar como os países em Afríca?? Vamos evoluir? Ou regredir? Não sei...

P.S.: se puderes passa no meu blog e faz um comentário critico ao ultimo texto (o dos poemas)...

Beijinhos

Patricia disse...

Eu trabalho num hospital privado e sei que esta situação caótica do HCF tem sido benéfica para as instituições privadas: hospitais, clínicas e consultórios privados.
As medidas levadas a cabo pelo governo não são as melhores e devem ser revistas. Também à semelhança desta situação está a dificuldade dos nossos estudantes portugueses entrarem em medicina...
Sabe-se também que nos próximos anos será construído um novo hospital central de faro, com mais valências e mais e melhores condições... enquanto isso não acontecer creio que teremos que nos "desenrascar" à boa moda portuguesa...

Maria P. disse...

Qto a este post tenho esta informção a dar que recebi por e_mails:
O novo estádio da cidade de Al-Kahder, nos arredores de Belém, na Cisjordânia, cuja construção foi financiada por Portugal, através do Instituto Português de Cooperação para o Desenvolvimento, vai ser inaugurado.
O recinto custou dois milhões de dólares, tem capacidade para seis mil espectadores, é certificado pela FIFA e dispõe de piso sintético e iluminação.
A cerimónia de inauguração abrirá com uma marcha de escuteiros locais, conduzindo as bandeiras de Portugal e da Palestina,e a execução dos respectivos hinos nacionais.
Já fechámos urgências, maternidades, centros de saúde e escolasprimárias,mas oferecemos um estádio à Palestina.
Devíamos fechar o Hospital de Santa Maria e oferecer um pavilhão
multiusos ao Afeganistão. A seguir fechávamos a cidade universitária e
oferecíamos um complexo olímpico Somália .
E por último fechávamos a A. da República e oferecíamos os nossos políticos aos crocodilos do Nilo.

Neste País fazem-se obras de rico mas com bolsa de pobre. Por isso nunca sairemos da sepa torta.

maria-joão disse...

Eu nem vou comentar.

Sol disse...

Sem comentários.... como sempre, o pobre que se lixe!!!

Bom Domingo.

Moquinhas disse...

Pois é não sei o que se passa com este governo faz coisas que não lebram a ninguém ,encerram centros de saude,urgencias,maternidades,deixam pedofilos andarem por ai,enquanto agora a ASAE anda em cima de coisas sem jeito nenhum,é o pais que temos e cada vez tenho menos orgulho nele!!
Beijoquinhas e boa semaninha!!